Estamos já no décimo oitavo dia. Tratando hoje sobre a experiência da salvação.
No processo da salvação o pecador é atraído a Deus pela manifestação do amor de Cristo, proclamado na vida e morte de Jesus Cristo.
Palavras de Jesus: “E eu, quando for levantado da terra, atrairei todos a mim”. João 12:32.
O arrependimento é uma radical mudança de atitude, em relação a Deus e ao pecado. Não é o resultado do esforço humano, mas é fruto da obra do Espírito Santo na vida.
Paulo afirma em Romanos 8:1, “Agora pois, já, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”.
Porque em Jesus somos justificados. Justificação é um ato de divino no qual Deus declara justo um pecador penitente, ou o trata como justo.
Na experiência da salvação, após a justificação vem a santificação. Enquanto a justificação como ato de Deus, ocorre num momento, a santificação é obra de uma vida inteira de dedicação a Deus.
Outra coisa maravilhosa que acontece na vida do crente que foi justificado e está sendo santificado dia a dia é a certeza da salvação.
A nova vida em Cristo é uma vida de alegria. A Palavra de Deus através de Paulo, recomenda: “Alegrai-vos sempre no Senhor, outra vez eu afirmo: alegrai-vos”. Filipenses 4:4.
A verdadeira alegria, aquela alegria que alcança os portais da eternidade é o diferencial na vida do verdadeiro cristão, salvo em Jesus.
Que Deus nos dê a graça e a alegria da salvação hoje.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário