Bom dia a todos. O tema de hoje é: “As Obras da Carne”.
As obras da carne representam uma lista quase que interminável de vícios. Tais vícios eram muito comuns nos dias de Paulo, na sociedade greco-romana.
“Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdia, dissensões, facções, invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas”. Gálatas 5:19-21.
Paulo faz uma comparação entre as obras da carne e o fruto do Espírito. Enquanto a lista da coisas negativas são chamadas de obras da carne, o que é bom é chamado de fruto do Espírito.
Enquanto a carne exige, o Espírito produz. As obras da carne representam uma ansiosa autoafirmação e frenética satisfação pessoal. É a caracterização da manipulação humana.
A grande pergunta é: o que podemos fazer para que as obras da carne não nos dominem? A resposta está em Romanos 8:14, “Porque todos aqueles que são guiados pelo Espírito de Deus, são filhos de Deus”.
Devemos permitir que o Espírito de Deus nos guie.
Como cristãos sabemos da existência de uma luta entre as duas naturezas, a carnal e a espiritual. Em Romanos 8:5-6, Paulo nos ensina que “Os que se inclinam para a carne cogitam das coisas da carne; mas os que se inclinam para o Espírito, das coisas do Espírito. Porque o pendor da carne dá para a morte, mas o do Espírito, para vida e paz”. Assim, Deus nos concedeu o Seu Espírito par nos guiar em toda a verdade (João 16:13).
Que no dia de hoje o Espírito de Deus nos guie.
Tenham todos um ótimo dia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário