Começo nossa conversa neste décimo primeiro dia, de nossa jornada espiritual, fazendo uma pergunta: Como é o Deus que você conhece?
Muitos seguem a Deus por medo. Quem segue a Deus por medo, não é seguidor, mas um escravo do temor.
Na Bíblia, que é a carta de amor de Deus para nós, encontramos algumas informações muito importantes sobre Deus.
Deus é imutável em Seus atributos (Tiago 1:17).
Deus é eterno (Isaías 40:28).
Deus é amor (1 João 4:8).
Essas características de Deus nos enchem de esperança e alegria, pois temos um Deus que nos ama de forma incondicional. Seu amor não muda.
Jeremias 31:3, “Com amor eterno eu te amei, por isso com benignidade te atrai”.
Nos dias de Jesus cria-se que doenças eram castigos por pecados pessoais. Jesus destruiu esse mito quando curou o cego.
Quem acredita que a doença é um castigo individual tem dificuldades em aceitar que Deus é amor.
As doenças, tragédias e todas as maldades são produtos do grande conflito entre Lúcifer e Deus.
Um dia, muito em breve Deus colocará um ponto final ao sofrimento e toda forma de maldade.
Está escrito em Apocalipse 21:4, “E Deus lhes enxugará dos olhos toda a lágrima, e a morte já não mais existirá, já não haverá pranto nem clamor nem dor, porque as primeiras coisas passaram”.
É maravilhoso poder confiar num Deus de amor assim!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário