Deus tem na Terra uma igreja com o propósito de cumprir Sua missão.
Você já deve ter visto mais de uma vez, nas grandes, médias e mesmo pequenas empresas e instituições, as expressões: visão e missão, e então uma declaração para cada uma dessas palavras. Não são apenas palavras mas são declarações que resumem o que é o que deveria ser o ideal de tal empresa ou instituição.
Por vezes nós achamos que a nossa comunidade religiosa também tem uma visão e uma missão.
Só que no caso de nossa igreja, é o contrário. É a missão que tem uma igreja. A missão é pregar e Deus estabeleceu a igreja para cumprir a missão. A visão também é de Deus: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado”. Mateus 28:19-20.
Os Dons Espirituais e Ministérios são concedidos por Deus para que a missão seja cumprida, realizada, concluída, pela Igreja. Veja que declaração maravilhosa de Ellen G. White, “Todo verdadeiro discípulo nasce no reino de Deus como missionário”. O Desejado de Todas as Nações, 195.
Cada pessoa que aceita Jesus como Salvador e Senhor recebe pelo menos um dom espiritual. Os dons são apresentados na Palavra de Deus em pelo menos três textos escritos pelo apóstolo Paulo, Efésios 4:11; Romanos 12:6-8 e 1 Coríntios 12:8-10.
O que é mais significativo não é o dom em si, mas a distribuição que o Espírito Santo faz. Não há um dom mais importante ou maior que o outro, todos são importantes.
O único que se sobressai aos outros é o amor. Veja as palavras de Paulo: “Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor”. 1 Coríntios 13:13.
Nem todos recebem os mesmos dons e cada dom tem sua finalidade. Todos os filhos de Deus possuem os dons que Deus acha necessários.
O mais importante de tudo é saber que os dons foram dados com propósitos. E o principal propósito está em Efésios 4:12-13. “Com vistas ao aperfeiçoamento dos santos e o desempenho do seu serviço, para a edificação do corpo de Cristo (a igreja), até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, à perfeita varonilidade, à medida da estatura da plenitude de Cristo”.
Desenvolva o seu dom espiritual para a glória de Deus!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário