Graça em Tudo
1 Tessalonicenses 5:12-23. “Em tudo dai graças”.
Reconhecimento e estima.
Admoestação, consolo, sustento e paciência.
Seguir o bem.
Vida de alegria e paz.
Vida de oração.
Graça em tudo.
Não apagar o fogo do Espírito.
Examinar tudo, mas escolher o que é bom.
Fugir da aparência do mal.
Deus santifica e conserva.
GRAÇA SEMPRE. Tempo, Lugar e Circunstância.
Efésios 2:8-10. “Pela graça sois salvos”.
1. A graça é o fundamento da salvação.
2. A fé é o instrumento da salvação.
3. As boas obras são o resultado da salvação, ou o propósito da nossa salvação.
A salvação é um dom inefável de Deus. Foi planejada por Deus Pai, executada pelo Deus Filho e é aplicada pelo Deus Espírito Santo. Foi planejada na eternidade passada, é executada na história presente e será consumada na eternidade futura, que se inicia com a segunda vinda de Cristo.
Tito 2:11-14. “Porquanto a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens”.
Romanos 3:23 Todos pecaram.
Isaías 55:1-2 Vinde todos.
Mateus 11:28 Vinde a mim todos.
Apocalipse 3:20 Quem abrir.
2 Coríntios 12:9-10. A minha graça te basta Paulo.
A graça é o Evangelho, e o Evangelho é Cristo.
Romanos 1:16 é o poder de Deus.
Não é possível separar a graça da cruz. Cruz e graça formam uma unidade inseparável. Um Evangelho sem cruz não é Evangelho. Não é possível separar a graça da justiça e da santidade de Deus.
Tito 2:11. Graça, Manifestação, Salvação.
Graça: “É favor imerecido”. Favor que o homem não merece mas que Deus concede a ele livremente, por sua soberania.
Manifestação: “A Graça se manifestou”. Manifestar é aparecer repentinamente, essa palavra tem a ver com algo que aparece e não há como impedir.
Salvação: “Manifestou-se salvadora”. Salvação segundo o contexto bíblico é ser salvo de um perigo, é um livramento total. Salvação é um estado de perdão e segurança tanto no presente, como no futuro.
Graça é: Favor imerecido.
Se não for imerecido não é graça.
A graça salva.
A graça transforma.
A graça imortaliza.
Somos salvos pela graça. Ainda assim precisamos guardar os Mandamentos de Deus?
Dois terríveis enganos têm obscurecido o ensino da Palavra de Deus.
O primeiro deles é de que o homem pode salvar-se pelo seu próprio esforço em obedecer aos mandamentos da lei de Deus. Aquele que faz isso está tentando o impossível. Por si só, jamais o homem alcançará justiça, bondade e perfeição. Aliás aquele que tenta salvar-se pela obediência à lei está rejeitando e desprezando aquilo que Cristo fez por Ele: A Salvação!
Outro engano, não menos perigoso é achar que a salvação encontrada em Cristo nos liberta de qualquer compromisso com a lei de Deus. É verdade que alguns ainda tentam salvação com um pouco de Cristo e um pouco de obras – isso também é perigoso engano.
A verdadeira obediência é uma resposta de amor e compromisso para com Jesus Cristo. Ela nunca traz méritos ou vantagens para aquele que a pratica. É apenas uma resposta de amor!
A obediência à lei demonstra amor a Deus, João 14:15.
A fé não nos dispensa de guardar os mandamentos, pois a fé sem obras é morta, Romanos 3:31 e Tiago 2:17.
Temos a vida eterna através do conhecimento de Deus, João 17:3. Por outro lado, a prova de que conhecemos a Deus é guardar os Seus mandamentos, 1 João 2:3-5.
Resumindo: quem salva é Cristo; nossa obediência à lei é apenas uma resposta de amor.
A salvação não depende das obras de obediência à lei de Deus, Romanos 3:28.
Entendemos, portanto que sendo a salvação inteiramente pela graça, as obras são uma consequência natural, um resultado do novo nascimento. 2 Cor 5:17.
1 Pedro 2:9, Raça eleita…
Efésios 2:10 Fomos salvos para boas obras.
Nossa vida deve ser para glória de Deus, 1 Coríntios 10:31.
Apelo:
O QUE É GRAÇA NA PRÁTICA?
É Deus usar RAABE, a prostituta, como instrumento de salvação, Josué 2:1-14.
É Jesus se revelar Messias à SAMARITANA, uma estrangeira de comportamento duvidoso, João 4:25-26.
É o pai que abre os braços ao FILHO PRÓDIGO da parábola, Lucas 15:20.
É um LADRÃO ser salvo no último minuto, Lucas 23:42-43.
É o Senhor Jesus dizer A VOCÊ E A MIM, “Vinde benditos de meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo”. Mateus 25:34.

Pastor Stina
Pastor Sênior da Igreja Adventista do Sétimo Dia do UNASP-SP
04/06/16

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário